Heartland Brewery: cervejas caseiras, junk food de primeira linha e localização estratégica em Manhattan

Heartland Brewery, no térreo do Empire State – Foto de Bruno Agostini

A Heartland Brewery é um desses lugares que acabo indo toda vez em que estou em Nova York, porque combina três coisas muito atraentes para um turista comilão como eu: tem boa junk food, boa bebida e está bem localizada. “Last, but not least”, a trilha sonora é muito, mas muito boa, excepcional, para quem gosta de rock: na minha última visita teve Pink Floyd, Lynyrd Skynyrd, Led Zeppelin, Beatles, Queen, The Doors, Dire Straits, Gratful Dead, Rolling Stones, Deep Purple, Allman Brothers e Janis Joplin, só entre os que eu anotei.

O bar do subsolo – Foto de Bruno Agostini

Quando digo boa comida, estou me referindo ao cardápio tipicamente de bar americano, que às vezes é mesmo o que queremos.  O que significa dizer que encontramos burgers e outros sanduíches (tipo o pulled pork), muitos petiscos, de variados gêneros (fish and chips, onion rings, quesadilla) e pratos como tacos de peixe, salmão ao teriaki, fettuccine Alfredo, e uma seção “from de grill”, com NY Strip Steak, entre outros cortes.

Detalhe da decoração temática – Foto de Bruno Agostini

Quando digo boa bebida, estou me referindo às cervejas da casa, de produção própria, entre rótulos regulares e edições sazonais, num amplo painel de estilos, com alta qualidade na execução das receitas, que são exclusividades da casa. Das casas, na verdade. Porque quando digo boa localização estou falando de ter três unidades em pontos estratégicos de Manhhatan : Times Square (também tem uma hamburgeria ali, HB Burger), Midtown West (625 8th Ave at 41st St) e no térreo do Empire State. Já tinha falado do lugar numa matéria, para O Globo.

Direto da fonte – Foto de Bruno Agostini

Em 1995, antes da cerveja artesanal entrar na moda, eles apostaram na produção própria, e em edições sazonais que se revezem nas torneiras ao longo do ano. Ao todo, são seis cervejas regulares: Cornhusker Lager (com flocos de milho, assumidamente); HarvestWheat (American Wheat); IndianRiverLight (Wit); IndianaPaleAle (IPA); Red Rooster (Red Ale) e Farmer Jon’s (Oatmeal Stout). Alto nível. No caso da loja que funciona no Empire States, ainda tem a Empire Premium Beer Pale (Czech Lager).  Melhor ainda são as sazonais. Provei algumas. Na última visita jorrava a deliciosa Imperial Saison, uma Farmhouse Ale com 8% ABV, encorpada, suculenta, ligeiramente turva, e com final sutilmente adocicado. Foi a minha escolha.

Enquanto isso, o canal de Tv fala do renascimento da Chape (fomo no dia 23/01) – Foto de Bruno Agostini

Há duas degustações, uma com os seis rótulos tradicionais da casa (por US$ 15,95) e outra com as sazonais, incluindo a Empire Premium (US$ 17,95).

Se liga na pinta do sujeito – Foto de Bruno Agostini

Para acompanhar, pedi um kobe burger “medium rare”, e assim ele chegou. Estava ótimo, daqueles hambúrgueres sem firulas, com alface, tomate e queijo, servido com fritas perfeitas, cortadas em palito, com preservando as cascas, sequinha, deliciosa. Com potinho de boa mostarda, ficou perfeito. O pão é de batata, foi selado como se deve, e continuou fofinho, absorvendo aqueles sucos da carne, sem se desmontar, ganhando sabor. Dos melhores que já comi.

Medium rare – Foto de Bruno Agostini

Olha o ponto da carne.

A vista do Rio Hudson, e parte de Midtoen, incluindo a Macy’s e o Madison Square Garden – Foto de Bruno Agostini

Depois do almoço, subimos até os mirantes do Empire State, para completar o programa.

De olho em Downtown: que frio, que ventania – Foto de Bruno Agostini

Afinal, era a primeira visita de Maria a Nova York, e nosso roteiro inclui entre as refeições escolhidas a dedo, um monte de programa turísticos, e umas comprinhas.

SERVIÇO
Heartland Brewery and Rotisserie – Empire State Building, 350 5th Ave at 34th St, New York NY 10118 (212) 563-3433  www.heartlandbrewery.com

 

 

 

admin

Bruno Agostini é carioca, jornalista e fotógrafo. Especializado em turismo, gastronomia, vinhos e cervejas, viaja o mundo atrás de boas histórias, e da boa mesa. Com passagens por empresas como Jornal do Brasil, O Globo e Editora Abril, foi inspetor de restaurantes do Guia Quatro Rodas e é autor de livros, como guias de viagem, vinhos e restaurantes. Atualmente atua como freelancer, escrevendo para veículos especializados, entre jornais, sites e revistas, como Época Rio, Top Destinos, Carbono Uomo, Eatin’Out e Baco, entre outras. Contato: bagostini@gmail.com Instagram: @brunoagostinifoto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *