L’Ulivo: o retorno triunfal do chef italiano Renato Ialenti a Copacabana

O chef italiano Renato Ialenti - Foto de Bruno Agostini
O chef italiano Renato Ialenti – Foto de Bruno Agostini

Com o perdão do trocadilho, é um alento ter de volta ao Rio o chef italiano Renato Ialenti. E sua graciosa mulher, Marcia Guimarães, nascida em Volta Redonda. Ele cuida da cozinha, e ela do salão, no melhor estilo dos restaurantes tradicionais do interior do país. O italiano deixou profundas saudades nos apreciadores da cozinha típica de osterias e trattorias quando fechou o divertido e despretensioso bar Pra Vadiar – um botequim italioca, como se definia, com comida deslumbrante, como aquela preparada pela nonna do interior, com trilha sonora sambista e boa carta de cervejas.

Quando a casa começou a fazer sucesso, atraindo uma turma de apaixonados pela verdadeira e rústica (no melhor sentido da palavra) cozinha italiana, lamentavelmente eles arriaram as portas e se mandaram para a Itália. Pois eles voltaram, e logo Renato passou a dar consultoria para o Quadrifoglio, que vive reestruturação depois da saída do trio Kiko Faria (no Brigite’s), Lomanto Oliveira (no ‘Gero + Trattoria Fasano) e Francisco Pereira (na Trattoria del Campo), o Chiquinho.

Frios, como a pancetta artesanal, são boa pedida de entrada, com pães variados - Foto de Bruno Agostini
Frios, como a pancetta artesanal, são boa pedida de entrada, com pães variados – Foto de Bruno Agostini

A melhor notícia, porém, veio um pouco depois. Há cerca de um mês o casal inaugurou o L’Ulivo Cucina e Vini, na rua Miguel Lemos, em Copacabana.

O quadro negro que mostra parte do menu - Foto de Bruno Agostini
O quadro negro que mostra parte do menu – Foto de Bruno Agostini

Um ambiente moderno, mas sem grandes pretensões, mas que lembra muito o clima das trattorias e osterias atuais na Itália (nada de toalha xadrez, paredes de tijolinho e salames pendurados). Livros, massas secas e garrafas de vinho decoram o lugar, que tem um grande quadro negro que mostra parte do menu.

A porção de favas verdes em molho de tomate com pancetta - Foto de Bruno Agostini
A porção de favas verdes em molho de tomate com pancetta – Foto de Bruno Agostini

Ialenti serve um menu autêntico de trattoria, onde brilham as massas caseiras, trabalhando com a sua simpática emulher, a carioca Márcia Oliveira. Para começar, há focaccias, e o chamado antipasto all´ italiana, e as bruschettas: Modena, com presunto de parma, figos, queijo de cabra e redução de balsâmico, ou a Oslo, feita com salmão, queijo mascarpone e raspa de limão siciliano.

O arancini, o bolinho de risoto - Foto de Bruno Agostini
O arancini, o bolinho de risoto – Foto de Bruno Agostini

Outra boa pedida  é o arancini, ali chamado “supli al telefono”, um tradicional bolinho de risoto que tem queijo no recheio, dando o efeito “fio de telefone”.

Massa à carbonara: perfeita execução - Foto de Bruno Agostini
Massa à carbonara: perfeita execução – Foto de Bruno Agostini

Entre as massas, destaque para o  tonnarelli cacio & pepe (massa artesanal com fondue de queijo pecorino e pimenta-do-reino), o fettuccine alla Norcina (massa artesanal com linguiça toscana, cogumelos, ervilhas e queijo pecorino), o bombolotti alla carbonara (rigatoni com bacon, ovos, queijo pecorino e pimenta-do-reino) e a tradicional lasagna Bolognese, em versão com mozzarella defumada. No setor das carnes, tem scottadito di agnelo (costelinha de cordeiro com molho de hortelã), o filetto al balsamico (filé mignon com redução de balsâmico) e a salsicciadi coscio di maiale (linguiça de pernil de leitoa com molho de ervas finas).

O rabada alla vaccinara, típica de Roma, servida com polenta, é o prato do dia das quartas-feiras - Foto de Bruno Agostini
O rabada alla vaccinara, típica de Roma, servida com polenta, é o prato do dia das quartas-feiras – Foto de Bruno Agostini

Há também uma seleção de pratos do dia: linguine de alici e pecorino, com escarola, anchovas e queijo pecorino, às terças; coda alla vaccinara, a rabada à moda romana, às quartas; o gnocchi con l´espuntature, com molho de tomate, linguiça toscana e costelinha suína, às quintas;o  baccalá con i ceci, o bacalhau seco feito com molho de tomate, azeitonas e alcaparra, acompanhado de purê de grão de bico, às sextas; e o agnello alla cacciatora, um cordeiro com molho de vinho branco, ervas finas e azeitonas pretas aos sábados e, aos domingos, tem o ossobuco com ervilhas e o rigatoni al sugo di coda, com  molho de rabada.

L´UlivoCucina e Vini: Rua Miguel Lemos 54, loja B, Copacabana, RJ. Tel: 3576-7785.

O fettuccine é servido com cogumelos porcini e trufas negras (R$ 120) – Foto de divulgação

ATUALIZAÇÃO, em 31/01/17:  Nascido e criado na Úmbria o chef Renato Ialenti foi buscar em sua terra natal trufas negras, para criar um cardápio com a iguaria. Para a entrada, flan de batata baroa com trufas negras e fonduta de parmesão (R$ 82). Como primeiro prato, fettuccine (na foto), servido com cogumelos porcini e trufas negras (R$ 120). O prato principal é o lombo de cordeiro ao molho de trufas negras, com aspargos e polenta (R$135). E para a sobremesa, a crescionda di cioccolato e amaretti, servido com creme inglês perfumado ao “tartufo nero” (R$ 36). Quem quiser fazer o circuito completo paga R$ 345 (ou R$ 435, harmonizado com vinhos). O menu fica em cartaz até o final de fevereiro.

—————————————————–

Agora, o menu:

Os antipasti
Os antipasti
Bruschetta
Bruschetta
Focaccia
Focaccia
Paste, risotti
Paste, risotti
Porchetta
Porchetta
Carni
Carni
Dolci
Dolci
Pratos do dia
Pratos do dia

admin

Bruno Agostini é carioca, jornalista e fotógrafo. Especializado em turismo, gastronomia, vinhos e cervejas, viaja o mundo atrás de boas histórias, e da boa mesa. Com passagens por empresas como Jornal do Brasil, O Globo e Editora Abril, foi inspetor de restaurantes do Guia Quatro Rodas e é autor de livros, como guias de viagem, vinhos e restaurantes. Atualmente atua como freelancer, escrevendo para veículos especializados, entre jornais, sites e revistas, como Época Rio, Top Destinos, Carbono Uomo, Eatin’Out e Baco, entre outras. Contato: bagostini@gmail.com Instagram: @brunoagostinifoto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *